Obrigada, universo

Meu último post aqui foi em um já distante março de 2018. Desde então, muita coisa aconteceu na minha vida. Muita coisa boa. Por isso, a retrospectiva deste ano não inclui os livros que li de janeiro para cá. A avalanche de novidades incríveis foi tão grande que me perdi nos registros e resenhas das histórias que me acompanharam em 2018.

Dessa vez, a retrospectiva é um agradecimento ao universo. Um grande agradecimento, dividido em dois pontos principais.

• Um agradecimento, universo, pela conquista do meu apartamento (a imagem deste post é a estante de livros que minha família me ajudou a erguer para minha casa). Obrigada à minha mãe Maria Inês, ao meu pai Luiz, à minha irmã Claudia, ao meu cunhado Denilson, à minha tia Cladys, ao meu tio Antide (Xuxu), à minha tia Iara, e a todos que pensaram positivo, me aconselharam, ouviram minhas dúvidas e medos durante o processo de dar o passo de morar sozinha. Meu mais sincero muito obrigada.

• Um agradecimento, universo, por ter colocado o jornal Joca no meu caminho, onde desde o final de julho sou editora-chefe. O Joca reúne muitas das coisas em que eu acredito no jornalismo e na educação, e possibilitou minha permanência no mundo infantojuvenil da informação em um país com tão poucas iniciativas nesse sentido. Meu mais sincero muito obrigada.

Se posso me arriscar a fazer uma promessa para 2019 é retomar meu ritmo de leitura. E voltar a registrar o que leio, dividindo essa experiência com quem me acompanhar por aqui. Vejo você em 2019!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s