Retrospectiva 2017: 50 livros lidos

Tenho um caderno improvisado (o da foto do post), que deveria servir para marcar filmes, mas onde anoto as primeiras impressões sobre todos os livros que leio. Acabo de fazer a contagem das obras lidas em 2017: total de 50. Minha melhor marca desde que comecei a fazer essas notas. Estou feliz com o recorde, mas não é uma meta superá-lo em 2018. Se acontecer, ótimo. No entanto, o que mais me importa é ter contato com boas histórias, sejam 10, 20, 50 ou 100.

Como marco de passagem para 2018, abaixo está a retrospectiva desses 50 livros finalizados ao longo de 2017 – e o link da resenha, quando houver, para você conferir minhas impressões sobre a obra aqui no Minha Amada Biblioteca. Feliz Ano-Novo e boas leituras em 2018!

Janeiro
A troca (Megan Shull)
O para sempre de Pedrina e Tunico (Claudio Fragata)
Roberto Civita – O dono da banca (Carlos Maranhão)
Rita Lee – Uma autobiografia (Rita Lee)

Fevereiro
O lar da srta. Peregrine para crianças peculiares (Ransom Riggs)
Gramática da fantasia (Gianni Rodari)
É proibido ler Lewis Carroll (Diego Arboleda)
Todos de pé para Perry Cook (Leslie Connor)

Março
A história do esquilo Nutkin (Beatrix Potter)
Para educar crianças feministas (Chimamanda Ngozi Adichie)
Heidi – A menina dos Alpes (Johanna Spyry)

Abril
Body of evidence (Patricia Cornwell)
Reinações de Narizinho (Monteiro Lobato)
João, Joãozinho, Joãozito (Claudio Fragata)
Este é o lobo (Alexandre Rampazo)

Maio
Palmas para Picolina (Claudio Fragata)
Vermelho de dar dó (Cristiano Gouveia)
Chapeuzinho amarelo (Chico Buarque)
Os saltimbancos (Chico Buarque)
Harry Potter e a pedra filosofal – edição ilustrada (J.K. Rowling)
A história de Pedro Coelho (Beatrix Potter)
A cor de Coraline (Alexandre Rampazo)
Como se fizesse um cavalo (Mariana Colasanti)
Histórias mal contadas (Claudio Fragata)
A amiga genial (Elena Ferrante)
Memórias de Emília (Monteiro Lobato)
Rogéria – Uma mulher e mais um pouco (Marcio Paschoal)

Junho
A extraordinária jornada de Edward Tulane (Kate DiCamillo)
Erros fantásticos – O discurso “faça boa arte” (Neil Gaiman)
Contos do baobá (Maté)
Histórias extraordinárias (Edgar Allan Poe)

Julho
Confissões de um garoto tímido, nerd e (ligeiramente) apaixonado (Thalita Rebouças)
Cidade dos etéreos – Livro II da série O lar da srta. Peregrine para crianças peculiares (Ransom Riggs)

Agosto
James Lins – O playboy que não deu certo (Mario Prata)

Setembro
Caixa de desejos (Ana Cristina Melo)
As aventuras do Capitão Cueca (os três primeiros volumes) (Dav Pilkey)
Vinicius Campos conta Grimm (Vinicius Campos)

Outubro
Winnie, a ursinha Pooh (Lindsay Mattick)
Prisioneiras (Drauzio Varella)
Carne quebrada (Tiago de Melo Andrade)
Deuses americanos (Neil Gaiman)
Biblioteca de almas – Livro III da série O lar da srta. Peregrine para crianças peculiares (Ransom Riggs)

Novembro
De volta à caixa de desejos (Ana Cristina Melo)
Vidas muito boas (J.K. Rowling)

Dezembro
Extraordinário (R. J. Palacio)
Maria Antonieta e o gnomo (Índigo)
Lugares escuros (Gillian Flynn)
Fala sério, mãe! (Thalita Rebouças)
Diário de um Banana – Apertem os cintos (Jeff Kinney)
História do novo sobrenome (Elena Ferrante)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s